Início > Eventos, Sociedade > A única negra do Miss RS

A única negra do Miss RS

Ontem 30 meninas caminharam em uma passarela do Barra Shopping Sul, em Porto Alegre, sorrindo e acenando, fazendo de tudo para convencer o júri de que era a mais bonita do estado. Todas altas, magras, cabelos lisos. Uma delas era negra. No Miss Rio Grande do Sul, apenas uma negra representou a mulher gaúcha. Como escolher a mulher mais bonita entre 30 mulheres quase iguais?

De um modo geral, aquelas 30 meninas não representam a mulher gaúcha. Podem, no máximo, representar o tipo físico das gaúchas. Apenas uma em cada 30 mulheres em nosso estado é negra? E, como já era de se esperar, essa uma já foi vítima de preconceito, como atesta o leitor Nélio Schneider, que printou um comentário no Wikipedia e sugeriu o post.

Vale dar uma bisbilhotada nos vídeos de apresentação das 30 concorrentes a miss. A representante de Alvorada diz que seu papel como miss é “ajudar a sociedade”. Faltou dizer como.

A menina de Estância Velha quer “mostrar nossa cultura, nossa história”. Alguém explica pra ela, pra todas elas, pros organizadores, que é um concurso de beleza, não de conhecimento. Exigir – ou mesmo fingir que exige – domínio de história, de política ou de qualquer outra coisa é uma baita hipocrisia. Sejamos honestos, a considerada mais bonita ganha, e ponto.

A Miss Nova Petrópolis quer “atuar na sociedade”. Ela tem a nobre missão de mostrar pras pessoas “que mulheres bonitas têm conteúdo”. Amiga, nós vivemos em uma ditadura da beleza, são as que não são bonitas que são discriminadas, e não as que não têm conteúdo, infelizmente. Aliás, o que as candidatas a miss fazem ali é justamente fortalecer essa ideia. Elas podem até não se dar conta, mas concursos de beleza fazem isso. De repente valeria a pena mostrar para a sociedade que não precisa ser bonita para ser feliz, que tal? Além disso, a própria beleza é padronizada. Quem determinou que o diferente não é belo?

Mas esses concursos existem há tempos e devem continuar a existir. Que pelo menos então tornem-se um pouco mais representativos, considerando a beleza de todos os tipos de mulheres, cada uma com suas peculiaridades.

Anúncios
  1. 05/12/2010 às 19:55

    Isso me lembrou de mais uma topada da insuspeita Zero Hora. Ano passado, dedicaram uma página INTEIRA para uma miss mirim gaúcha. 6 anos, devia ter a pequena, tinha que usar até dentes falsos porque os da frente (de leite) tinham caído… a menina parecia de plástico, de tão “adultizada” que foi.

    Bom, mas o que tornava a matéria (mais) ridícula é que, num box, trazia a indicação do filme… “Pequena Miss Sunshine”, que ridiculariza os concursos de beleza. Antes de indicar, seria bom ter assistido o filme – ou pelo menos, o entendido.

  2. Nélio Schneider
    05/12/2010 às 20:18

    Gostaria de acrescentar que tanto no nível regional (RS), quanto no nível nacional (Miss Brasil) observa-se o mesmo fenômeno. A representação das mulheres negras é raríssima, apesar da proporção de mulheres negras na população. Em toda a história do Concurso Miss Brasil de 1954 até 2010, ou seja, em 66 anos, uma única negra, Deise Nunes – interessante que ela é gaúcha, além de colorada – foi escolhida Miss Brasil (1968). Por que será?
    Acho que foi para compensar isso que se criou o Concurso da Mais Bela Negra do Brasil, que é um espetáculo à parte, mas nem de longe tem a mesma badalação que o Concurso para “Miss”.

  3. Nélio Schneider
    05/12/2010 às 20:27

    PS: Naturalmente alguém já se fez as mesmas perguntas e com mais propriedade que eu: http://femininaeplural-eva.blogspot.com/2009/07/onde-estao-as-perolas-negras-do-brasil.html

  4. 05/12/2010 às 20:52

    Pensei a mesma coisa…

    E mais: reparei que hoje em dia são raras as candidatas a miss que não têm silicone. É um “padrão de beleza” cada vez mais “consumível”, visto que não é qualquer uma que pode pagar por silicone. (Aliás, nem vejo beleza alguma em seios siliconados, são descaradamente artificiais.)

  5. Ana Flavia
    06/12/2010 às 1:13

    Mas a Deise Nunes foi Miss tbm,Miss RS e Miss Brazil,não entendi essa reportagem????por favor me tirem esta dúvida!!
    Att

  6. 07/12/2010 às 2:56

    Que mulherada linda! *_*

    Mas uma pena mesmo não valorizarem a beleza da mulher negra. Namoro com uma menina linda, de black power e conheço bem como são estes preconceitos bobos que sempre fazem delas ou fetiche ou descasso em nossa sociedade. Foi assim ao apresentar para a família, para alguns amigos. Em geral.

  1. 05/12/2010 às 19:42
  2. 06/12/2010 às 10:34
  3. 07/12/2010 às 2:27
  4. 07/12/2010 às 2:44
  5. 07/12/2010 às 20:21
  6. 09/12/2010 às 12:37

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: