Início > Comunicação, Internacional > Movimento de comunicação mundial busca mostrar a verdade sobre Cuba

Movimento de comunicação mundial busca mostrar a verdade sobre Cuba

Por Stela Pastore
De Cuba

“Cuba não teme a mentira. Fará tudo para denunciar as agressões do império e das políticas neoliberais sobre todos os povos. Esta é uma frente de batalha, onde todos lutamos pelo direito de conhecer a verdade. Temos que derrotar um dos grandes muros contra Cuba, contra os cinco presos nos Estados Unidos, o muro do silêncio que se estabelece sobre os cubanos”, destacou a coordenadora do Instituto Cubano de Amizade entre os Povos (ICAP), na abertura das atividades da I Brigada Mundial contra o Terrorismo Midiático, Kenia Serrano, nesta segunda-feira, 22, em Cuba, onde estão reunidos comunicadores de 19 países expressando solidariedade para romper o silêncio e as distorções sobre a realidade cubana nos meios informativos.

Kenia Serrano reforçou que nesta guerra de informação a rede web 2.0 possibilita que cada um seja um veículo de informação. “Todos somos um meio de comunicação e devemos projetar nossas mensagens. Não precisamos que outros cubram o que fazemos. Não dependemos de quem o faça por nós. Falemos nós mesmos sobre nossas especificidades e expressemos nossas mensagens”, disse a coordenadora.

Durante sua manifestação, Kenia orientou os ativistas desta Brigada a expressarem suas ideias e impressões sobre a realidade cubana nos diferentes suportes comunicativos, comerciais ou alternativos, como jornais, boletins, revistas, rádios comunitárias, correio eletrônico, blogs, sites e outros espaços nas redes sociais. Exemplificou a eficácia desta atuação durante a participação dos brigadistas no VI Colóquio pela Libertação dos Cinco e pelo fim do Terrorismo, encerrado domingo em Holguin, que já resultou em mais de 35 mil impactos apenas no cenário digital. “Sim, somos capazes de reposicionar a situação quando todos conjugamos esforços”.

Solidariedade é o instrumento dos povos para superar a injustiça

Reforçou que a amizade e a solidariedade são as ferramentas entre os povos para superar a  crise global. “Juntos podemos muito mais”, conclamou Kenia, observando que acima de qualquer diferença de pensamento deve estar a luta contra a guerra, contra o terrorismo, contra o bloqueio econômico e pela liberdade dos cinco presos detidos injustamente pelos Estados Unidos.

A líder cubana informou que Fidel Castro está numa intensa batalha, denunciando que o planeta pode estar novamente na véspera de uma guerra nuclear, com resultados imensuráveis, podendo resultar no fim da espécie humana. “Que esta Brigada seja também uma denúncia destes perigos contra nossa espécie”.

 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: