Início > Cidades, Política, Sociedade > Governo do RS deve aprovar projeto que elitiza o Cais do Porto

Governo do RS deve aprovar projeto que elitiza o Cais do Porto

A governadora Yeda parece ter esquecido que daqui a dois meses deixará o Piratini e um projeto totalmente diferente do seu dará o tom do próximo governo do Rio Grande do Sul. Nessas circunstâncias, o bom senso manda deixar decisões importantes para o próximo governante, para estarem afinadas com o projeto de desenvolvimento que ele propõe.

As obras do Cais do Porto devem custar em torno de R$ 500 milhões, segundo a Zero Hora de sábado. Mas o mais grave nem é o dinheiro, mas o destino de um espaço público tão importante ser definido sem participação e apoio popular.

Embora a imprensa tente pintar a reformulação do Cais como a salvação de Porto Alegre, a modernização da cidade, a evolução. Lendo a Zero Hora, parece que entramos em um projeto perfeito. Consigo enxergar os rostos das pessoas felizes, comprando. Sim, porque o que está sendo proposto pelo governo do estado para ocupar o espaço do Cais do Porto é um conjunto de obras voltadas ao consumo.

Pressa para garantir a obra

Yeda Crusius quer assinar o contrato até o fim de novembro, garantindo que a sua visão de desenvolvimento se sobreponha nas obras do Cais. A pressa seria por interesse público ou algum interesse privado?

O projeto prevê espaços verdes, claro. Não poderia deixar de ser. Prevê ainda um anfiteatro, uma ideia que pode ser interessante, na área próxima ao Gasômetro. A reativação do bondinho também é uma iniciativa bacana. Também não vai mexer nas estruturas do Cais nem nos paralelepípedos, mas a matéria de Zero Hora deixa bem claro que é só porque são tombados. Se pudesse, o governo traria tudo abaixo.

Duas torres, uma comercial e um hotel, devem ser construídas. “O formato será de prisma triangular, para favorecer a visualização do Guaíba”, diz Zero Hora. Ah bom, eu já estava preocupada com os hóspedes cheios da grana do hotel, que não veriam nosso por-do-sol. É isso que caracteriza um empreendimento voltado para o privado. Só vai usufruir de todas as vantagens da obra quem tiver dinheiro. Uma parcela mínima da população.

Um shopping de três andares (dois de estacionamento) é outra obra que consta no projeto. Ainda que tenha estruturas de vidro e tudo o mais, qual o sentido de se construir um shopping em um dos lugares mais bonitos de Porto Alegre. Nem Puerto Madero, em Buenos Aires (a reformulação do porto da capital argentina seguiu o mesmo viés elitista que o governo gaúcho está dando para o nosso), chegou a esse ponto. Lá há restaurantes caros que fazem a felicidade das famílias ricas. Fora isso, uma passarela sem nenhum atrativo além da vista, o que faz com que apenas pessoas bem vestidas, com seus cachorros de raça e tênis de marca circulem pelo local, afastando o resto da população que se sente inferiorizada diante dessa realidade.

Um Cais democrático e popular

O Cais precisa de uma reformulação. Ele poderia se tornar um espaço democrático e popular, com espaços de consumo e de gastronomia, tudo bem, mas planejados para que valorizassem o que temos de melhor e proporcionassem uma integração que fizesse todos os setores da sociedade se sentirem acolhidos. Os bares e restaurantes poderiam ser abastecidos por produtos da agricultura familiar, que são de alta qualidade e incentivariam um setor produtor fundamental para a economia do estado. Esse é só um exemplo de como fazer uma obra desse porte com os olhos voltados para o público, não para o privado, como quer a governadora Yeda. Tenho certeza de que ideias não faltariam para construirmos alternativas ecológicas e solidárias.

—————

A foto registra a última noite do Brasil Rural Contemporâneo, a Feira Nacional da Agricultura Familiar realizada em maio no Cais. As comidas oferecidas eram de agricultores familiares, e as cervejas, artesanais. Posso falar por mim, como consumidora, que o clima era excelente, os produtos eram ótimos e todos se sentiam bem-vindos.

Anúncios
  1. Carlos
    20/11/2010 às 15:05

    Esquerdistas tem q mudar esse vocabulário batido: elitista, social, popular… chega disso. Eu viajei a Puerto Madero e senti uma tristeza qdo vi aquilo. Fiquei triste pq a maldita esquerda de Porto Alegre nunca deixará acontecer aquilo aqui. A parte mais linda de Buenos Aires. Tu não quer gente “bem vestida” no cais né? Não quer que os pobres evoluam e fiquem bem vestidos. Quer eles continuando maltrapilhos, pq eles sustentam o voto da esquerda. Eles e pseudo-socialistas que falam mto, mas andam de carros importados com adesivos de Dilma e Tarso. Porto Alegre é a cidade do abandono. Bem popular mesmo, tá cada vez mais parecendo uma enorme vila.

    • 20/11/2010 às 17:18

      Engraçado que Porto Alegre é a cidade do abandono nos últimos anos, quando a esquerda não é governo. Mais engraçado ainda é que a esquerda que quer que os pobres continuem pobres é a mesma esquerda que tira 30 milhões de pobres da miséria.
      Eu não quero é ter que me enfeitar toda para aproveitar uma tarde de sol no cais da minha cidade sem me sentir deslocada. Ser “bem vestido” não quer dizer muito, sabe. Acontece que as pessoas que circulam nos bairros mais ricos – sem generalizar, pois não são todas – acham que podem avaliar as outras pelas suas roupas.
      Também não quero que o Cais continue abandonado, como está há tanto tempo. Quero, como disse no texto, nas partes que tu não leste, que façamos uma recuperação do Cais. Só não quero que ela seja para usufruto de alguns.

      Repara o contraditório do teu comentário, Carlos. Tu reclamas que Porto Alegre é a cidade do abandono e põe a culpa no PT, que não governa nem prefeitura nem governo do estado. Isso sem falar no fato de esquerda não gostar de pobre, segundo a tua avaliação, quando ela defende justamente que o usufruto dos projetos públicos sejam para toda a população, independente de classe social. Vai ver é pelo fato de não gostar de pobre que a esquerda diminui a pobreza. Sendo assim, vai por um bom caminho…

  1. No trackbacks yet.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: